quinta-feira, 10 de setembro de 2009

MATOSINHOS, MINAS GERAIS

Nas comemorações do Ano da França no Brasil, uma descoberta mobiliza os setores culturais de São João del-Rei, na Região do Campo das Vertentes, a 185 quilômetros de Belo Horizonte. Numa pesquisa sobre as praças da cidade, o professor Antônio Gaio Sobrinho, integrante do Instituto Histórico e Geográfico (IHG), constatou que o conjunto de chafariz e a estátua da deusa Ceres, que chegou à cidade em 1887 e fica na Praça Senhor Bom Jesus do Matosinhos, no Bairro Matosinhos, é de origem francesa, e não italiana, como se imaginava até há pocuo. O professor identificou logo baixo da escultura, sob camadas de tinta, a inscrição Val d’Osne, que remete à fundição de mesmo nome da cidade de Osne-le-Val, na França.
Jornal de MINAS
Enviar um comentário