quinta-feira, 26 de outubro de 2017

A noite de cristal de Custóias


Esta 4.ª feira, na junta de Custóias, tomou posse o último órgão eleito nas autárquicas de 2017. Tomou posse o executivo e a assembleia da União de Freguesias de Custóias, Leça do Balio e Guifões.
Como se sabe, o PS ganhou com 7.511 votos (36,99%), tendo as restantes forças obtido os seguintes resultados: Narciso Miranda, 3.488 (16,98%), António Parada SIM, 2.935 (14,45%), PSD, 2.247 (11,07%), PCP, 1.408 (6,93%) e Bloco de Esquerda, 1.338 (6,59%). Com isto, o PS elegeu oito pessoas para a assembleia de freguesia, o movimento de Narciso Miranda 4, o Sim 3, o PSD 2 e o PCP e o Bloco um cada.
Na primeira votação, por voto secreto, a lista para o executivo apresentada por Pedro Gonçalves, o presidente reeleito, conseguiu apenas 9 votos contra 10. Ou seja, foi chumbada. Neste momento não se encontrava presente no auditório a nova presidente de câmara, Luísa Salgueiro, nem a presidente da assembleia municipal, Palmira Macedo.
Perante este impasse, instalou-se a dúvida sobre o passo seguinte. Nova votação agora através de votação uninominal? José Leirós, eleito pelo SIM, interveio para dizer que já tinha acontecido na junta de Leça do Balio, antes da união de freguesias. Pedro Gonçalves fez letra morta e disse que há notícias de vários casos no país em cujos processos se procedeu apenas a nova votação de uma lista. Mas não se lembrou de nenhum desses casos. Como era ele quem presidia à assembleia, foi apresentada de novo a lista que tinha sido chumbada.
Nesse entretanto, ao que me contam, houve uma discussão acalorada na casa de banho das senhoras.
Na nova votação, lista aprovada por 10-9. Com a votação a ser feita nas cadeirinhas e de mão aberta, com olhares à direita e à esquerda. Desta vez, o 8 do PS votaram a favor, não houve transfugas. Os elementos do PCP e do Bloco, esses, mantiveram a fidelidade em relação ao poder, como aconteceu noutras uniões de freguesia.
Os matosinhenses ficam a perceber mais uma vez que há muitas formas de votar no Partido Socialista. Mas é isto que os matosinhenses querem. Quando tiverem queixas a apresentar, têm uma solução: dirijam-se à loja de atendimento ao cidadão, na CMM, e tirem uma senha!
Parabéns aos eleitos pelo PSD, pelo SIM e pelo movimento de Narciso Miranda por terem respeitado os 8.670 votos que receberam, mais 1.167 que o partido que está no poder...

Enviar um comentário