terça-feira, 21 de julho de 2015

Narciso Miranda: "Tudo isto é uma vergonha para a nossa terra!"

"Não, Eugênio, desta vez não concordo de todo...
Eu não estava ali porque não tinha de estar ali naquela peça de teatro de péssima qualidade. Ponto final.
Não poderia estar ali por respeito a Matosinhos, respeito ao povo de Matosinhos e POR RESPEITO A MIM PRÓPRIO.

Tudo isto é uma vergonha para a nossa terra!!!!!"

As palavras são de Narciso Miranda, que não consta desta foto que junta Guilherme Pinto, ex-PS, Luísa Salgueiro, deputada do PS, António Costa, secretário-geral do PS, Ernesto Páscoa, presidente da concelhia do PS de Matosinhos, e António Parada, vereador do PS, Estiveram todos a almoçar na mesma traineira. Ao que parece, Narciso Miranda foi convidado mas fez-se constar que estava em Londres. Mas afinal não - estava ainda em Matosinhos. E, conforme esclareceu, só não correspondeu ao convite pelas razões que explicou atrás.

A luta eleitoral de outubro de 2017 promete. Guilherme Pinto está fora pois não pode concorrer, Luísa Salgueiros se o PS ganhar as legislativas será secretária de Estado ou até ministra da Saúde, Ernesto Páscoa só com a força toda do aparelho chegará lá e António Parada tem a sua força nas bases.

Falta saber se não teremos uma ou duas candidaturas independentes.

Uma protagonizada por Palmira Macedo.

Outra pelo homem que vindo de Barroselas colocou Matosinhos no mapa. Guilherme Pinto, responsável por dois KO técnicos, um a Narciso e outro a Parada, talvez ainda tenha uma palavra a dizer nesta guerra, assim a saúde o permita.

Sem comentários: