quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Socialismo e ratos de esgoto

Felizmente nunca caí na tentação de me filiar no Partido Socialista (a verdade é que também nunca fui convidado) e, por isso, não pertenço ao grupelho a que Dias da Fonseca chamou um dia A Mercearia.
Os socialistas de Matosinhos são aquilo que todos sabemos: notáveis ratos de esgoto. Tanto erguem o punho como cavalgam outra onda qualquer.
Apagar o passado é fácil quando só pensamos no nosso futuro.
Os burros são todos aqueles que não pertencem a esta esterqueira e que no último domingo de setembro vão perder tempo a exercer o respetivo direito de voto. Mas pronto. Também há quem acredite nos 3 pastorinhos de Fátima.

1 comentário:

Anónimo disse...

Caro Amigo:
Falta-lhe a palavra "alguns" no inicio da sua escrita...

por haver jornalistas pedofilos... nao serão todos...
por haver alguns gordos e abichanados não serão todos...
por haver alguns que devem a toda gente , nao serão todos...
por haver alguns que foram afilhados de autarcas, nao serão todos...

vale a pena a correção...