segunda-feira, 12 de outubro de 2009

O BASTIÃO

Está por escrever a história de Guilherme Vilaverde. O homem das cooperativas domina as bases do PS e continua a ser uma referência para as elites. O trabalho que desenvolveu e o apoio incondicional que deu à candidatura que também protagoniza foram factores importantes. Vilaverde era, no fundo, quem melhor conhecia o adversário. E está visto que este tipo de conhecimento é sempre essencial na preparação da refrega.
Enviar um comentário