quinta-feira, 6 de agosto de 2009

AINDA A ROJOADA

Vamos então ser objectivos.
1.- No final do Jantar, passaram para a opinião pública que cerca de 3.000 pessoas (posteriormente, um jornal falou de 1.700).
2.- Cada mesa leva 10 pessoas.
3.- Para 3.000 pessoas, seriam necessárias 300 mesas.
4.- O pavilhão Rosa Mota, no seu piso base, pode levar 140 mesas redondas de 10 pessoas cada uma.
5.- Isto é, seriam necessários dois Pavilhões Rosa Mota juntos para albergar as 3.000 pessoas.
6.- Na foto (que abrange a maior parte já do Pavilhão) contam-se 88 mesas.
7.- 88 Mesas são 880 pessoas.
8.- Para as 1700 pessoas, era preciso que o pavilhão tivesse o dobro do tamanho daquilo que se vê na foto, que obviamente não tem.
9.- Para as 3.000 pessoas, era preciso que estivéssemos a ver na foto apenas pouco mais de 1/4 do pavilhão.
10.- Tudo isto tem pouca importância. Só tenta fazer dos comícios uma sondagem se importa com isto. Por exemplo, como José Sócrates, que anunciou, nas vésperas das últimas eleições europeias, que tinha feito o maior comício do PS neste século. E PERDEU AS ELEIÇÕES.
11.- O que mostra que estas manobras já não impressionam quem tem que votar. os quais serão, seguramente, mais de 100.000 em Matosinhos.
12.- Perante estes números, 1.700 ou 3.000 valem o mesmo. Isto é, nada. Apenas provam, um e outro número, quem é que continua a mentir descaradamente.Magalhães Pinto.

MAGALHÃES PINTO
Enviar um comentário