domingo, 23 de novembro de 2008

NARCISO E O LEIXÕES


O futuro do Leixões depende muito do que vai acontecer nas autárquicas de 2009. Ninguém está a ver Carlos Oliveira a continuar à frente da SAD com Narciso a presidente da Câmara. Não por causa de Oliveira mas por Narciso. O denominado "Senhor Matosinhos" colocou Oliveira na trincheira dos seus inimigos não apenas devido ao facto de o empresário ter um dos seus filhos como lugar-tenente de Guilherme Pinto - Nuno Oliveira, um vereador que, dizem-me, tem feito um extraordinário trabalho. O que não espanta, sendo filho de quem é... Sei que Narciso esteve no Dragão a ver a histórica vitória do nosso Leixões e que foi muito pouco efusivo no momento dos nossos clubes, enquanto ao seu lado Dias da Fonseca dava pulos de alegria. Calculo que Narciso mantenha em relação ao Leixões uma atitude de expectativa. O sucesso tem sempre nomes e um desses nomes é Carlos Oliveira. O que incomoda. Não acredito que Narciso queira ver o Leixões a cair para que Oliveira não proporcione a Guilherme Pinto alguns créditos extra mas acredito que o Barroselas será capaz de responder afirmativamente ao repto subliminar de Oliveira e apareça na Rua Roberto Ivens para pagar 32 meses de quotas em atraso. Garantem-me que não lhe será cobrado qualquer juro. Posso mesmo jurar.

Enviar um comentário